Imagine Belieber: That Summer - Capítulo 10



Rocky: Eu te conheço? – ela sorriu um pouco sem jeito.
XxX: Não... Eu me chamo Stacy. – sorri fraco – Você é nova por aqui, não é?
Rocky: Mais ou menos.
Stacy: Você é amiga da Jessie?
Rocky: Sou.
Stacy: Ok... Bom, eu só queria te conhecer.
Rocky: Por que?
Stacy: Sou amiga do Justin e eu tenho visto você andar com ele e o pessoal, então... – ela sorriu mas eu permaneci séria – Foi um prazer!
Stacy deu as costas e foi embora, a única coisa que vinha na minha cabeça era um ponto de interrogação. Por que vem uma garota, assim do nada, falar comigo?
Ignorei e voltei para onde o pessoal estava com a garrafa de água que eu tinha comprado na mão.
Justin: O que a Stacy queria?
Rocky: Sei lá, garota estranha.
Tenho certeza que o Justin ficou tão confuso quanto eu. Ficamos na praça até anoitecer e todos voltarem para suas devidas casas, eu voltei pra minha e meu pai estava sentado no sofá vendo TV. Bom, ele brigou comigo por eu ter saído de casa estando de castigo. "De que adianta te colocar de castigo se você não obedece?", eu entendi isso como uma liberação do meu "castigo". Fiquei conversando com a Leah por um tempo e ela me deu alguns conselhos, não gosto de contar as coisas que eu passo para os outros, mas sei lá, eu confiava tanto na Leah, eu falava mais coisas pra ela do que pra minha própria mãe. Leah me falou sobre relacionamentos, coisa que eu odeio. Ela disse que eu deveria me apaixonar, fala sério, "paixão" não existe no meu dicionário, muito menos o amor, se é que ele existe mesmo. 
Antes de dormir, eu liguei pra minha mãe e ela ficou uma hora inteira me contando como estava sendo os dias dela sem mim. No dia seguinte quando acordei, passei a tarde em casa com a Jane e logo depois Jessie me ligou me chamando para ir na casa da Caitlin pois todos estariam lá pra ver algum filme ou algo do tipo. Eu aceitei e quando cheguei, todos já estavam lá.
Caitlin: Rocky! – ela veio correndo e me abraçou.
Falei com todo mundo e em seguida me sentei no chão pois no sofá estavam os casais.


[Justin Mode On]


Eu estava sentado no chão e Rocky se sentou no chão também, porém na outra ponta do sofá. Ela apenas sorriu pra mim e eu retribuí. Fiquei observando a televisão mas meus pensamentos estavam em outro lugar, Caitlin me cutucou e eu a olhei.
Caitlin: Coloca lá o filme pra gente assistir, Mane.
Eu concordei com a cabeça e coloquei, todos ficaram bem atentos e com os potes de pipoca nas mãos. Depois de uns 20 minutos de filme eu decidi me levantar e ir pra varanda, era de romance e eu não tava muito no clima pra ver filme desse tipo. Fiquei um tempo na varanda encarando o chão e vi uma sombra se aproximar, me virei e vi Rocky olhando para o céu que estava coberto pelas estrelas que aperfeiçoavam a noite.
Rocky: Não suporto filme de romance.
Justin: Eu não tô muito legal pra ver.
Rocky: Por que? – eu fiquei calado pois não queria responder, ela se calou também, mais logo continuou – Por que não me fala da sua namorada?
Justin: Ela tá viajando.
Rocky: Você não a vê a muito tempo?
Justin: É...
Rocky: Entendo.
Justin: Acho que ela nem dá tanta importância pra isso, ela quase não liga.
Rocky: E quando ela volta?
Justin: Não sei, ela foi antes das férias começarem. Ela foi pra um acampamento do tio dela, sei lá.
Eu fiquei calado e nem sei o que deu em mim, fiquei um pouco pra baixo do nada. Rocky me deu um leve tapa na nuca e eu a olhei assustado, ela sorriu e saiu correndo. Fui atrás dela rindo e continuamos correndo até nos encontrarmos com imensas árvores, parecia uma espécie de bosque ou floresta, o lugar era pouco iluminado mas não deixava de ser bonito. Consegui alcançá-la e acabei a derrabando e caí também. Ficamos deitados no chão rindo do que havia acontecido e logo depois ficamos conversando enquanto olhávamos as estrelas.
Rocky: Por que a Caitlin te chama de "Mane"? 
Justin: Longe história. – ri.
Rocky: Eu escuto.
Justin: A muito tempo atrás tava todo mundo brincando do jogo da garrafa e caiu em mim e na Caitlin, ela me desafiou a fazer um rap e então eu fiz. Eles começaram a me chamar de Shawty Mane e a Caitlin me chama assim até hoje.
Rocky: Uau, um rapper.
Ficamos ali por muito tempo e que nem percebemos, voltamos rindo para a casa da Caitlin e tava todo mundo na porta, acho que estavam indo embora.
Chaz: Até que enfim apareceram!
Ryan: Hum, onde estavam?
Justin: Não é da sua conta.
Todo mundo foi embora e depois de eu insistir tanto, Rocky me deixou lavá-la em casa. Ficamos calados dentro do carro até chegarmos na porta da casa dela.
Rocky: Valeu pela carona.
Justin: Até amanhã.
Ela sorriu e saiu do carro, entrando em casa em seguida. Dei a partida no carro e fui rumo à minha casa. Fui direto para o meu quarto e peguei meu celular, haviam 7 chamadas perdidas da Jasmine. Eu retornei mas ela não atendeu, até que na terceira ela resolveu atender e não parecia muito contente.
Jasmine: Alô?


...

10 comentários:

  1. AIIII que fofo CONTINUAAAAAAAAAAAAAAAA...............

    ResponderExcluir
  2. Ta perfeitoooo continuaa amr n deu p comentar ontem pq eu não entrei hehehe

    ResponderExcluir
  3. Continua eu to adorando *-*

    ResponderExcluir
  4. tp louca pra ver como vai ser a jasmine nessa historiaa, continua logo pleasee to amandoo

    ResponderExcluir
  5. aaa amei o cap postaa

    ResponderExcluir
  6. tem que rolar briga da rocky com a jasmine hahahaha to amandoo posta logoo

    ResponderExcluir
  7. Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir