Textos


Happy Birthday, Kidrauhl:
Eu me lembro da primeira vez que ouvi One time, a primeira vez que procurei saber mais sobre a vida dele, a primeira vez que ouvi falar sobre o "Justin Bieber". E a partir deste dia, minha vida mudou completamente, e para melhor, muito melhor. Parece que foi ontem que ele foi descoberto pelo Scooter, parece que foi ontem que ele completou 16 anos. Ele cresceu tão rápido, e o mais importante, nós estamos crescendo junto com ele. Estive com ele desde os momentos bons até os piores. Confesso, eu não queria que ele crescesse tão rápido assim, mas para mim, ele é e sempre vai continuar sendo o nosso eterno Kidrauhl. Exatamente no dia 01 de Março de 1994, às 00:56, nasceu a inspiração de mais de 17 milhões de pessoas em cada parte do mundo. Eu agradeço à ele por ser quem ele é hoje e me fazer a garota mais feliz do mundo pelo simples fato de existir. Desejo tudo de melhor à ele, muito juízo e que Deus o abençoe não só hoje, mas todos os dias de sua vida. Nós o amamos e sempre estaremos ao lado seu lado. STILL KIDRAUHL.

HAPPY 18th BIRTHDAY, JB <3

Por: Raissa Amêndola.




Never Say Never:
 Já me chamaram de idiota e otária por amar tanto uma pessoa que nem sabe da minha existência. Já fui chamada de infantil e tola por acreditar que um dia, eu poderei encontrá-lo. Já jogaram inúmeras vezes na minha cara que isso nunca vai acontecer, que é apenas um sonho bobo e passageiro. Já me falaram que eu sou burra e que ele não está nem aí para mim. Sabe, cada uma dessas palavras me machucaram muito. Mas quer saber? Eu não ligo. Eu acredito nos meus sonhos e vou lutar por cada um deles. Confesso, já pensei algumas vezes em desistir, mas sempre vinha a voz dele em minha mente dizendo "never say never". Isso me deixa mais forte, mais confiante. Ele me dá forças todos os dias para eu continuar seguindo os meus sonhos, do qual ele faz parte de cada um deles. Não sei se algum dia eles irão se realizar, mas de qualquer forma, irei me orgulhar de mim mesma por estar persistindo e indo contra todos os que acreditam que eu não conseguirei. E sabem de uma coisa? Essas pessoas do contra, de qualquer forma, acabam me deixando mais forte também. Quanto mais elas dizem que eu não vou conseguir, eu persisto mais ainda e acredito que um dia, cada um os meus sonhos irão se realizar. Eu vou lutar até o fim, e acredito que vou conseguir. E quando eu conseguir, vou fazer questão de falar para cada pessoa que não acreditou em mim, "EU CONSEGUI". E cada esforço que já fiz, valeu a pena, tudo por uma única pessoa, tudo por ele, o meu ídolo.


Por: Raissa Amêndola.






Sentimento de fã:
Amor de fã é um dos mais verdadeiros que existe, né? Nós admiramos, amamos, choramos, e fazemos tudo por uma pessoa que vive quilômetros de distância de nós e nem sabe de nossa existência. Muitas vezes fazemos loucuras que nem  nós mesmas sabemos que éramos capazes de fazer. E aquele orgulho imenso que temos? É bem difícil de explicar, só sei que é muito bom. Você passar noites em claro pensando no seu ídolo, dormir em filas, brigar com cada pessoa que ouse falar mal dele. Mesmo sem tocá-lo, sem poder dizer um "oi" e sem poder dar aquele abraço apertado, nós o amamos e e seguimos em frente com a esperança de que um dia, nos o encontraremos. É bem difícil você conviver amando uma pessoa que está muito londe de você, é difícil você ver fotos de outras fãs e pensar "será que minha hora não vai chegar?". Mas com ele eu aprendi a ser forte e seguir meus sonhos. E é por isso que hoje eu ainda estou com um imenso sorriso no rosto, eu luto e corro atrás dos meus sonhos. Porque o meu maior sonho é você, Justin Drew Bieber ♥


Por: Raissa Amêndola.






Um recado pra você, Hater:
Lembra daquele menino que você jurou que não iria conseguir? Pois é, ele deu a volta por cima e mostrou a você e a todos que não acreditaram nele, que vocês estavam errados. Sabe aquele menino que você dizia ser um "moleque" e ter a voz fina? Ele cresceu, amadureceu e se tornou um homem. Lembra quando você o chamou de ignorante, arrogante e que ele não se importava com as pessoas? Então, enquanto você estava o julgando, ele estava ajudando aos necessitados e nos ensinando a seguir nossos sonhos. Enquanto você estava aí, sentado nessa cadeira sem fazer nada, apenas falando mal dele, ele simplesmente te ignorou e continuou fazendo as coisas que ele sempre faz: ajudar as pessoas. Ele doou alimentos para os pobres, ele ajudou a construir escolas e está fazendo de tudo para realizar os sonhos das pessoas que se importam com ele. E você? Não faz nada para ninguém, só sabe o julgar sem ao menos conhecê-lo. Não entendo quando vocês falam que ele é arrogante, se ele só fez bem as pessoas. Ele tem um coração enorme, é uma boa pessoa e merece tudo o que ele conquistou. 
Não é porque ele é carinhoso, simpático e trata as garotas como elas realmente devem ser tratadas, que ele é gay, como você diz.
Sabe qual é o seu pior problema? É odiar as pessoas que são superiores à você. É odiá-las pelo simples fato delas saberem fazer coisas que você não sabe, ter coisas que você não tem e você achar que elas são melhores que você. Pra que tanto ódio? Ele já fez algo para você? Você já conversou com ele para saber que ele é arrogante e metido?
Pare de odiá-lo e comece a fazer pelo menos uma parte do que ele já fez. Ele ajuda as pessoas que precisam dele, sem pedir nada em troca.
E sabe o que eu acho? Se cada pessoa fizesse pelo menos uma das coisas que ele já fez, o mundo não estaria esta droga que está hoje. Porque são pessoas como ele que fazem a diferença no mundo, que transformam esse planeta em um lugar melhor.
Não o julgue por ele ser essa pessoa maravilhosa que é, essa pessoa que é um exemplo de vida e a inspiração para mais de 17 milhões de pessoas em todo o mundo. E você, o que é? Deve ter uma boa resposta para essa pergunta, porque pra você falar tão mal dele, tem que ser melhor, não é, hater?




Por: Raissa Amêndola.





Meu pequeno Kidrauhl:
Eu amo o jeito que ele sorri, amo quando ele coloca a mão no peito enquanto canta. Amo quando ele olha para uma fã e quando diz amá-la, amo o jeito que ele nos trata e o jeito que ele fala de nós. Amo o jeito dele viver a vida, sempre na brincadeira e com um sorriso no rosto. Amo quando ele ignora os haters e diz amá-los também. Amo quando ele nos incentiva a nunca desistir dos nossos sonhos e nos faz acreditar que nada é impossível. Amo todas as palhaçadas e caretas que ele faz, amo quando ele nos incentiva a ajudar as pessoas. Amo quando ele mexe no cabelo e passa a língua nos lábios. Amo quando ele dança, quando ele canta, amo quando ele faz aquele movimento com a mão enquanto canta um rap. Amo o jeito que ele anda, o jeito que ele fala. Amo quando ele fala gírias e amo quando ele fala do nosso país. Eu amo cada detalhe dele, eu o amo por inteiro. E sabe de uma coisa? Ele pode perder os dentes, pode perder os braços, a voz, as pernas, ele pode ficar careca, porque nada disso vai mudar todo o amor que eu sinto por ele. Ele pode perder a fama e o dinheiro, mas eu vou sempre apoiá-lo e sempre estarei ao lado dele. Esse amor não vai acabar ou diminuir, só vai aumentar mais ainda a cada dia. Eu o amo pela pessoa que ele é, amo por quem ele é por dentro. Não, eu não o amo por causa da beleza, da fama, do dinheiro. E sabe por que ninguém consegue enxergar isso? Porque para elas, ele é o astro teen Justin Bieber, mas para mim, ele é e sempre será apenas o pequeno Kidrauhl.


Por: Raissa Amêndola.

5 comentários: